Por Nayla Georgia em 27/05/2013

Só de pensar em colocar óleo no rosto surge uma careta de desconfiança. Isso acontece por causa do senso comum, afinal quem mora no Brasil, um país tropical e quente, sofre com problemas de oleosidade, na maioria dos casos. Mas o fato é que os produtos oleosos estão entre os favoritos para os dermatologistas e eles afirmam que não somente as pessoas com pele seca ou normal podem usar, mas também quem tem a pele oleosa.

Use os óleos faciais sem medo!

Foto: Reprodução

Por que os óleos faciais são os favoritos do momento?

Os cosméticos que contêm óleo vegetal na fórmula servem para tratar rugas, clarear manchas, diminuir a flacidez, limpar e hidratar profundamente a pele. Além disso, os óleos faciais são livres de emulsionantes, um dos ingredientes responsáveis pelas alergias, e conseguem formar uma barreira protetora na pele, evitando a desidratação. Para quem tem a pele oleosa se deve apenas não fazer uso do produto na zona T (testa, nariz e queixo) e também é indicado que a aplicação seja feita à noite, dessa forma não se misturará com o excesso de suor e oleosidade natural do dia, ou seja, será absorvido mais eficientemente.

Atenção: Os óleos faciais podem ser encontrados em duas versões: mineral e vegetal. Sempre prefira os produtos vegetais!

Funções e ativos de cada óleo

  • Amêndoa e abacate: Quem tem a pele bastante ressecada pode apostar sem medo nessas substâncias, pois proporcionam uma hidratação reforçada.
  • Echium: É um óleo raro, mas rico em ácidos graxos. O SDA, por exemplo, trata rugas em estágio avançado tão eficientemente quanto os ácidos retinoicos usados pelos profissionais.
  • Gerânio: Ajuda a desintoxicar e melhorar a circulação sanguínea.
  • Groselha negra: É uma excelente fonte de ômega-7, que trata dermatites pelo corpo todo.
  • Lavanda: É o favorito de quem procura clarear a pele. Esse óleo vai despigmentando gradativamente e ainda traz ótimos benefícios para a pele: repara e hidrata.
  • Morango e linhaça: Contém ômega-3 em sua fórmula, ajuda a reparar e recuperar a pele flácida e fina.
  • Oliva: Esse óleo ameniza as manchas, rugas e sinais de envelhecimento. Contém polifenóis que potencializam a proteção da luz na face.
  • Rosa-mosqueta: Por ter uma textura mais seca, é o indicado para as peles oleosas ou mistas. Consegue clarear manchas causadas pelo excesso de exposição ao Sol.
  • Rosewood: O arbusto que dá a matéria prima para esse óleo é rico em propriedades que ajudam a pele a recuperar o viço e a firmeza.

Como devo usar?

Com a pele limpa e tonificada, basta pingar duas gotas na palma das mãos e massagear com movimentos circulares pelo rosto todo. Se optar por passar o produto durante o dia, use-o com 30 minutos de antecedência do filtro solar, pois esse é o tempo que o óleo é absorvido pela pele. Maquiadores ainda sugerem que os óleos faciais sejam usados como iluminador para a pele e afirmam que são excelentes removedores de maquiagem à prova d’água.

*Óleos faciais são contraindicados em casos de acne!

Veja mais!