Por Marianna Feiteiro em 12/11/2013

Na última semana, a atriz Jennifer Aniston surpreendeu os fãs ao ser flagrada por paparazzi com os cabelos bem curtos e danificados. Dona de madeixas de dar inveja, que são uma das marcas registradas da musa, Jennifer foi questionada se havia feito a transformação para interpretar um novo papel.

Jennifer Aniston corta o cabelo após progressiva dar errado

Foto: Reprodução / X17Online.com

“Na verdade, cortei meu cabelo faz dois dias. Não mudei para fazer um papel. Meu cabelo passou por uma fase. Eu fiz um procedimento chamado de escova progressiva brasileira e meu cabelo não reagiu bem a ele. Ele está cerca de cinco dedos acima dos ombros agora”, revelou a atriz com exclusividade à revista estrangeira Elle.

Apesar de o corte long bob, adotado por Jennifer, estar em alta no momento, a atriz se mostrou insatisfeita com o novo comprimento. “No minuto em que corto meu cabelo, quero tê-lo de volta. É sempre assim. Eu estou realmente me esforçando muito para gostar deste corte”, admitiu à publicação.

As madeixas loiras e compridas eram marca registrada de Jennifer Aniston

Foto: Reprodução

Cuidados com a progressiva

Hoje em dia, são poucos os produtos que utilizam o formol como principal agente alisante da progressiva, cujo objetivo é tirar o volume e as ondas dos fios. No Brasil, a concentração máxima da substância permitida pela Anvisa na formulação de produtos é de 0,2%, o que significa que ela é utilizada apenas como conservante.

Ainda assim, as escovas progressivas alternativas que surgiram após a proibição do formol contêm componentes como cisteína, amônia, carbocisteína, que, apesar de seu efeito mais sutil, promovem alterações químicas nos cabelos e, portanto, são prejudiciais.

Hoje em dia, são poucas as contra-indicações para o procedimento, mas elas existem. Pessoas que estão com os fios muito enfraquecidos por conta de tratamentos capilares recentes ou que apresentam alergia a algum dos componentes não podem fazer. Em alguns casos, a técnica também é proibitiva para gestantes e crianças. Para evitar complicações, siga as seguintes orientações:

O cabelo da atriz após a progressiva desastrosa

Foto: Reprodução / X17Online.com

  • Não faça escova progressiva em qualquer salão: busque indicações e profissionais de confiança. Neste caso, vale pagar um pouco mais caro para um resultado garantido. O cabeleireiro fará uma análise do seu cabelo e irá definir se ele tem ou não condições de receber o tratamento.
  • Certifique-se de usar somente produtos autorizados pela Anvisa. Caso contrário, você irá prejudicar seus fios e, possivelmente, sua saúde.
  • Exija o teste da mecha antes de aplicar a química nas madeixas todas. Ele consiste em fazer o procedimento em uma porção pequena e escondida do cabelo para observar os resultados e a compatibilidade.
  • Se você fez relaxamento há poucos dias ou está com os fios muito enfraquecidos por conta de um tratamento químico recente, espere algumas semanas para fazer a progressiva.
  • Espere um intervalo de, pelo menos, três meses para repetir a operação, já que ela danifica muito os fios.

Veja mais!