Por Anna de Cássia em 09/10/2012

Muito utilizado por quem quer manter o corpo em dia e a saúde sempre bem, o pilates é a pratica de exercícios para corpo e mente que desde que foi inventado promete trazer inúmeros benefícios para seus praticantes, desde mantê-los protegidos de doenças como uma gripe até auxiliar na perda de peso.

Seu criador, o alemão Joseph Pilates, quando criança sofria de algumas doenças como febre reumática e raquitismo. Ele tornou-se um estudioso de anatomia e ainda na adolescência desenvolveu as técnicas que lhe levaram a cura de suas doenças.

Benefícios do pilates

Pilates tem muito mais benefícios além de emagrecer!

Foto: Reprodução

Como ele trabalha mente e corpo, pode trazer vários benefícios para a saúde, tais como:

  • Melhora a respiração: por trabalhar a musculatura respiratória, ensina o aluno a respirar da forma correta com exercícios que necessita de um tempo preciso de inspiração e expiração.
  • Combate o estresse: por necessitar de uma frequência respiratória controlada, exige do praticante muita concentração, ajudando-o assim a manter o controle sobre si, possibilitando lidar melhor com situações do dia a dia.
  • Melhora a musculatura: os exercícios trabalham com diversos grupos musculares, ajudando no fortalecimento e na integração dos músculos principais, secundários e posturais.
  • Melhora a coordenação motora: como o pilates trabalha não só o corpo, mas também a mente, seus exercícios podem melhorar o equilíbrio e a percepção espacial, ajudando quem o pratica a realizar com mais facilidade suas tarefas diárias.

O Pilates emagrece?

Essa é uma pergunta feita por várias pessoas que têm duvidas relativas aos benefícios deste exercício. O foco do pilates é ajudar na consciência corporal, e os resultados mais perceptíveis são um melhor alinhamento do corpo, uma melhor definição muscular e uma maior flexibilidade. Mas dependendo do nível do praticante e a frequência das aulas, pode sim ocorrer o emagrecimento. Porém, deve-se combiná-lo com uma dieta equilibrada e também com hábitos saudáveis como a prática de exercícios aeróbicos, tais como: corrida, natação, caminhada, entre outros.

Não é muito comum, mas o professor pode elaborar aulas com um maior nível de intensidade que aumente a frequência cardíaca do aluno, auxiliando assim a perda de peso. Lembre-se, antes de se praticar qualquer exercício físico devemos consultar um médico que possa avaliar nosso condicionamento e assim liberar ou não para a prática do mesmo.

Veja mais!