Por Lilian Druzian em 07/12/2011

Você sabe o que é?

Tártaro

É uma formação mineral visível na superfície dos dentes, geralmente de cor escura. É quando a placa bacteriana acumula e endurece na base do dente, podendo, inclusive, se formar sob a gengiva, prejudicando os tecidos desta e até afrouxando o dente após algum tempo.

Como se forma?

  • Entre o dente e a gengiva existe um espaço chamado sulco gengival, que acumula restos de alimento e estes restos formam a placa bacteriana, pois é o “banquete” das bactérias que imediatamente começam a agir.
  • Após 72 horas, essa placa começa a endurecer e então se forma o tártaro.
  • A ação das bactérias sobre os restos de alimentos começa poucos minutos após a alimentação, portanto, é imprescindível que, logo após a ingestão de qualquer alimento ou bebida, especialmente doces, se faça a higiene para evitar que o ph da boca se altere e propicie o ataque das bactérias.

O tártaro é um problema que facilmente abrange outros, já que, sendo poroso, absorve manchas e também dá espaço para que a placa bacteriana aumente e também surjam cáries e problemas de periodontite, que é a inflamação gengival. Além disso, esteticamente é terrível, já que é uma camada escura que fica evidente entre os dentes.

Como identificar o tártaro?

É fácil se estiver sobre a base do dente e acima da gengiva, pois, ao contrário da placa bacteriana, que é uma película transparente, ou seja, invisíivel a olho nu, o tártaro é amarelado ou, em casos avançados, uma crosta escura e dura.

Como se livrar do problema?

Apenas o dentista pode fazer sua remoção, com instrumentos próprios, fazendo a limpeza específica, chamada de raspagem.

Como se previne o surgimento do tártaro?

A higiene correta é a única coisa a fazer para garantir a saúde bucal e manter a placa bacteriana e o tártaro longe. A escovação bem feita a cada refeição,especialmente após a ingestão de doces, com um creme dental antitártaro e acompanhada do fio dental, é a maneira de manter a boca saudável e sem cáries.

Veja mais!