Por Nayla Georgia em 10/10/2012

Os dread ou dreadlocks se tornaram mundialmente famosos com o movimento rastafári. Os cabelos que parecem cordas que caem sobre os ombros são bastante simbólicos, remetendo imediatamente à Bob Marley, à liberdade de expressão e a um modo alternativo de pensamento, contudo a sua origem é muito antiga, tanto que não se conhece uma data. Acredita-se que antes da invenção de pentes e dos cuidados com os cabelos, era natural que os fios assumissem um visual aproximado ao dread. Considerando-o quase pré-histórico, e ainda é dito que os povos antigos da região da Etiópia poderiam ter sido os primeiros a utilizar o estilo por uma questão de praticidade: os cabelos cresciam e se tornava mais complicado cuidar deles e cortar.

Os dreadlocks

O cabelo naturalmente faz nós e fica emaranhado quando é deixado sem cuidados por algum tempo, mas é complicado conseguir dreads dessa maneira, pois além de ser mais complicado e custoso para diferentes tipos de cabelo, o trançado pode se tornar muito rebelde e bagunçado. Com isso, o mais simples é buscar fazer manualmente os dreads, seja mesmo em casa ou com algum profissional especializado na área, conhecidos como locticians. Desse jeito, além de conseguir um visual arrumado e livrar-se do caos capilar, também tornam o estilo mais acessível para qualquer tipo de cabelo. Pode ser desde o dread verdadeiro, chamado também de definitivo, que é feito com agulha de crochê ou cera, até o falso, que é feito com cabelo sintético ou lã. Para adicionar ainda mais personalidade ao icônico penteado, existem cores, fitas e acessórios especiais para decorar as madeixas.

Cuidando das madeixas com dreads

Não existe problema em lavar os locks, a frequência depende do estilo de vida de cada indivíduo e todas as pessoas que usam os dreadlocks têm opiniões próprias sobre como tratar e quais produtos usar. De óleo a gel, passando até mesmo por água salgada, tudo depende do gosto e do quão natural o usuário quer que o visual pareça. Em geral, é melhor evitar xampus que deixem resíduos para a limpeza, pois eles podem lubrificar os cabelos e desmanchar os locks.  A secagem tem que ser cuidadosa para evitar a oleosidade e pode ser feita com um secador ou apertando os fios e enrolando com a mão para espremer o excesso de água. Tonificar é interessante para reduzir problemas de couro cabeludo seco e o condicionamento dos fios ajuda a restaurar a raiz e corrigir os danos superficiais.

Retirando os dreadlocks

  • Para a retirada dos dreads, a opção mais óbvia e simples é cortá-los;
  • Dependendo do tipo de locks feito, os fios podem ser desembaraçados, embora isso leve muito tempo;
  • Caso o penteado tenha sido feito com cabelo sintético ou lã, há a opção de simplesmente removê-los com ajuda de um profissional.

Fotos de mulheres com cabelos com dread

Cabelos loiros com dreadlocks

Foto: Reprodução

 

Cabelos com dread

Foto: Reprodução

 

Cabelos femininos com dreadlocks

Foto: Reprodução

 

Shakira com dreadlocks

Foto: Reprodução

 

Cabelos compridos com dread

Foto: Reprodução

 

Cabelos curtos com dreads

Cabelos curtos com dreads | Foto: Reprodução

 

Madeixas com dread

Foto: Reprodução

 

Cabelo rosa estilo rastafári

Foto: Reprodução

 

Madeixas coloridas com dread

Foto: Reprodução

 

Oriental com dread

Foto: Reprodução

Veja mais!