Por Anna de Cássia em 17/12/2012

A Candida albicans é um fungo muito comum e que normalmente já está presente no organismo da mulher, e ambos conseguem viver em equilíbrio e harmonia com a presença do outro. O problema é quando algum fator faz com que o fungo acabe se proliferando demais, o que gera a infecção chamada Candidíase. E um dos principais fatores que pode causar o aumento da comunidade fúngica no nosso corpo é a baixa imunidade e a falta de higiene.

Fique ligada na Candidíase!

Foto: Reprodução

Entre os sintomas desta infecção há a eliminação de uma secreção vaginal branca e sem nenhum odor, além de toda a região ficar irritada, com coceira e talvez até feridas. Sentir dor nas relações sexuais e até mesmo na hora de urinar também pode ser um indicativo da doença.

Candidíase é DST?

Não! Por ser uma infecção do tipo fúngica ela pode aparecer a qualquer momento, para pessoas que já tiveram relação sexual ou não. Entretanto, se alguém que estiver com candidíase fizer sexo sem proteção, ou seja, sem utilizar camisinha, então ela poderá passar a infecção para seu parceiro. E não se confunda, os métodos contraceptivos apenas evitam a gravidez indesejada, em momento algum te protegem de contrair alguma doença durante o ato.

O que causa a candidíase?

  • Utilizar antibiótico sem prescrição médica, ou prolongar o uso mesmo com ele tendo mandado suspender, pode ocasionar o aumento da proliferação dos fungos, pois existem também no corpo bactérias boas e que são essenciais para manter o controle fúngico.
  • Estresse e uma má alimentação fazem com que fiquemos consequentemente com a imunidade baixa, e assim damos mais espaço para que os fungos possam se proliferar livremente no nosso organismo, por isso tente se alimentar adequadamente e de maneira saudável e não se estresse tanto.
  • A má higienização do seu órgão genital também poderá acarretar a infecção. Por isso procure fazer a sua higiene íntima com sabonetes específicos para a região e tente não usar calcinhas de lycra ou roupas muito apertadas, e evite também as calças e shorts jeans. Ficar muito tempo com um biquíni molhado também não é legal.
  • Alguns tipos de métodos contraceptivos possuem uma grande concentração hormonal, que pode acabar alterando o pH das secreções vaginais e isso acaba modificando toda a flora vaginal, o que pode acarretar no surgimento da doença.

Tratamentos

Não se deve tentar tratar o problema em casa sem a orientação médica, por mais que você tenha vergonha de ir a um ginecologista. Se a candidíase aparecer, engula a vergonha e procure um profissional para lhe passar o remédio ideal para o seu caso.

Alguns remédios para o tratamento desta doença são via oral, e outros são cremes para serem aplicados dentro do canal vaginal. A aplicação pode ser desconfortável – principalmente para virgens – e pode até arder um pouco, mas em poucos dias já se pode notar a melhora dos sintomas. O mais comum é que o médico te passe uma mistura dos dois remédios, tanto o creme como o comprimido. Procure seguir à risca as orientações dele e utilizar o remédio durante todo o tempo que ele determinar – nem mais nem menos dias.

Veja mais!