Por Anna de Cássia em 28/08/2013

Não é segredo para ninguém o fetiche que as mulheres tem com cabelos lisos. Quem não tem faz de tudo para conseguir. E é por isso que as escovas progressivas se tornaram tão populares, por realizar o sonho de muitas mulheres de ter as madeixas retinhas. Porém, muitas progressivas deixam os cabelos ressecados ou espigados e ainda danificam o fio, tornando-o mais frágil.  A promessa da progressiva em gel é justamente fazer o alisamento sem danificar o cabelo nem deixá-lo ressecado.

Escova progressiva em gel – Alisa e nutri o cabelo

Foto: Reprodução

Conheça mais sobre esta progressiva maravilhosa

A progressiva em gel é bem parecida com a progressiva comum, só que ao invés de usar o creme para fazer o alisamento, utiliza-se um gel, que possui os mesmos ingredientes que a normal e promete um resultado ainda melhor. A diferença está apenas na fórmula do produto. Por não possuir formol, o gel agride o cabelo muito menos que o creme. Além de deixar lisos os cabelos crespos ou cacheados, ele também nutre a fibra capilar, mantém as vitaminas, diminui o volume e deixa o cabelo cheio de movimento.

Gel para cada tipo de cabelo e seus preços

  • Cabelos finos – Para esses tipos de cabelo a progressiva em gel mais indicada é a da Eiffel cosméticos, pois possui extrato de figo que vai deixar o fio mais grosso. Custa entre R$ 100,00 e R$ 250,00 no salão. OBS: Loiras platinadas não devem usar esse tipo, pois ele irá deixar a tonalidade dos cabelos mais escura.
  • Cabelos ondulados – Neste caso o produto mais indicado é o da Enzo, que possui um fixador e ainda sela as partículas. O preço no salão sai em torno de R$ 120,00.
  • Cabelos crespos ou afros – A marca D’Vien é a mais indicada para estes tipos de cabelos, pois ela evita que o cabelo perca sua umidade natural e ainda deixa o cabelo com aspecto leve e relaxado. No salão o preço pode variar de R$ 100,00 até R$ 400,00.

Cuidado!

Não aplique a progressiva em gel no seu cabelo sem antes mandar um profissional analisa-lo para saber se ele está em condições para receber a química. Se o cabelo estiver muito seco ou quebrado o contato direto com a química irá prejudicá-lo muito, e por isso é necessário fazer primeiro uma reconstrução e hidratação para só então fazer o alisamento.

Pessoas cujos fios já passaram por outras químicas – incluindo as que levaram formol – devem também pedir a orientação de um profissional antes de fazer qualquer coisa. Explique a ele qual tipo de química você já colocou no cabelo e pergunte se é possível fazer a progressiva em gel. Apesar da progressiva em gel ser a mais indicada para os cabelos com química, é sempre bom se prevenir e ter a opinião de um profissional antes de fazer besteira.

Veja mais!