Por Débora Silva em 29/03/2016

O término de um namoro é sempre muito difícil, independente do tempo em que o casal ficou junto e de quem tomou a iniciativa de terminar a relação. O período de luto é fundamental para superar o ex, para descansar e para retomar o fôlego para seguir adiante.

De acordo com especialistas em relacionamentos, a maneira como o rompimento ocorre influencia bastante nas fases emocionais que o seguem. E não é só o seu coração que sofre, mas a sua pele também!

Imagem de um casal deprimido depois de uma discussão

Foto: Depositphotos

O fim de um relacionamento pode afetar a sua pele

Com o fim do namoro, não é apenas o seu coraçãozinho que sofre: a sua pele também sente os efeitos do momento e pode ficar mais irritada, oleosa e cheia de espinhas. Mas por que isto acontece? Confira os motivos a seguir:

A sua alimentação piora

Com a tristeza do término do namoro, vem junto a vontade de comer coisas que façam você se sentir melhor. Não existe nada mais confortante do que uma barra do seu chocolate preferido, não é verdade? No entanto, comer excessivamente alimentos muito açucarados ou carboidratos pode ser muito ruim para a sua pele, fazendo surgir acnes e até algumas rugas prematuras.

Por isto, o melhor a ser feito é se controlar um pouco e descontar a tristeza e a raiva em um prato de salada e outros alimentos mais saudáveis.

A pele fica mais sensível

As irritações que são diretamente relacionadas com o estresse, como a psoríase ou rosácea, estão mais suscetíveis a aparecer após um acontecimento como o término de um relacionamento afetivo. O motivo para as manifestações na pele está diretamente ligado ao aumento de adrenalina no sangue, que causa um alerta em todo o organismo.

Os poros ficam obstruídos

É claro que o seu organismo também não funciona bem sob estresse. Nesta condição, todas as suas ações ficam mais lentas, o que pode acarretar em poros obstruídos e no surgimento de cravinhos e espinhas.

Uma boa dica é fazer limpezas de pele para ajudar a manter a saúde e a boa aparência da pele.

A oleosidade aumenta

Sua pele era lisinha e agora está coberta de cravos e até espinhas? De acordo com especialistas, o estresse pode aumentar a produção sebácea do seu organismo e, consequentemente, também aumentar a quantidade de acne.

Pense e coloque em prática aquelas atividades que te ajudem a relaxar para reduzir os níveis de estresse, pois, caso ao contrário, as consequências podem se tornar crônicas.

Veja mais!