Por Nayla Georgia em 26/04/2012

A busca pelo corpo perfeito está sempre num dos primeiros planos da maioria das mulheres. Após um emagrecimento grande ou mesmo com a idade avançada, as coxas podem apresentar-se flácidas. Para corrigir o problema, existe uma cirurgia plástica parente da lipoaspiração, a Dermolipectomia de coxas.

Dermolipectomia

Dermolipectomia significa retirada de pele e gordura (dermo = pele, lipo = gordura, ectomia = retirada). A cirurgia é indicada juntamente com a lipoaspiração. Os cuidados gerais com o pré e pós operatório devem ser discutidos mais detalhadamente com o cirurgião plástico. Essa operação oferece uma recuperação mais lenta, já que mexe com uma região extensa do corpo, mas é tão segura como qualquer outra plástica. A incisão é feita de maneira que a cicatriz fique situada em uma prega natural da região da virilha e é bem discreta, quase imperceptível.

Dúvidas gerais sobre o pré e pós operatório

Coxas

Fique com coxas durinhas e bonitas com esta cirurgia plástica | Imagem: Reprodução

  • Há perda de peso. Como a cirurgia faz retirada de pele e gordura, evidentemente haverá uma redução no índice de massa corpórea, entretanto a perda não é muito significante. Por isso, muitas pessoas combinam a dermolipectomia à lipoaspiração.
  • As cicatrizes são muito visíveis? Vai depender de cada pessoa, mas geralmente não. Em alguns casos raros, ela pode se estender em direção ao abdômen ou mesmo para as nádegas.
  • O resultado não será prejudicado caso tenha filhos futuramente. O importante é o controle do peso no período gestacional, que deverá ser mantido.
  • O pós-operatório não é doloroso. Quando tem evolução normal, não deve apresentar dor. Podem ocorrer certos desconfortos e uma dor leve, que cedem com analgésicos.
  • É feita uma marcação antes da operação com uma caneta especial, para auxiliar na hora da operação.
  • A anestesia mais utilizada no processo é a peridural, mas se a paciente desejar, pode ser usada a geral também.
  • O perigo apresentado nesse tipo de cirurgia é o mesmo das outras. Para evitar complicações é imprescindível que seja feita em uma clínica com profissionais capacitados e ambiente próprio para o procedimento.
  • O ato cirúrgico dura em média de 2 a 4 horas.
  • A paciente tem de tomar antibióticos por um período de 7 a 10 dias.
  • O período de internação vai de 1 a 2 dias, em caso de evolução normal.

Preços

Pesquisamos os preços deste procedimento em sites de clínicas e revistas de beleza.  Os preços variam de acordo com a clínica, ficando entre 4 a 10 mil reais.

Veja mais!