Publicado por Jéssica Vanessa

Em algumas épocas do ano a exposição do corpo é maior, fazendo as pessoas prestarem mais atenção aos quilinhos a mais, às celulites e a eles: Os pelinhos indesejáveis que teimam em crescer. No verão, por exemplo, as mulheres passam a se depilar com frequência, porém muitas vezes sem prestar atenção em como estão realizando esse procedimento. É preciso tirar o máximo de proveito de uma depilação. Não só falando em deixar a pele livre de pelos, mas também de se depilar de uma forma segura.

Uma das mais populares e melhores formas de depilação é a que usa a lâmina, por ser rápida e prática. Mas, é um tipo de procedimento que gera muitas perguntas e algumas delas se tornam bastante frequentes, como o medo desta prática engrossar, ou não, os pelos – sejam das pernas, axilas ou virilha. A depilação com lâmina, assim como qualquer outra, exige atenção e cuidados que já começam bem antes do ato em si.

Cuidados básicos

Depilação feminina com lâmina

Foto: Reprodução

  • Escolha o aparelho certo: São mais recomendados os que possuem lâmina descartável, ou as que contenham uma linha lubrificante. Isso irá tornar a depilação mais fácil e menos prejudicial aos poros (cada poro contém um pelo que já nasceu ou está sendo preparado para nascer).
  • Cuide do seu corpo: Aquele sabonete que algumas pessoas passam antes da depilação não serve apenas para retirar os pelos com mais facilidade. A higienização da área que vai ser depilada é extremamente importante, pois sem o cuidado devido, os poros podem ser obstruídos e isso causaria problemas como a foliculite (quando os folículos são invadidos por bactérias, gerando espinhas e cravos).
  • Nunca deixe a pele seca: Pode ser água com sabonete, gel ou até mesmo um creme específico.

Não esquecer de

  • Para facilitar a remoção dos pelos, utilizar água morna durante a depilação, pois água estando mais quente os poros ficam dilatados.
  • Para ter certeza de que os pelos serão cortados rente à raiz, retirar eles na direção contrária à que estão (ou seja, a direção contrária ao do nascimento deles).
  • Se acontecer um pequeno sangramento, usar um adstringente (composto que reage com proteínas e enzimas, formando uma camada protetora na pele).
  • Manter o aparelho (ou lâminas) sempre em um local arejado e seco. Ou seja, deixá-los no banheiro com certeza favorecerá o surgimento de bactérias e fungos, por conta da umidade.

Verdades sobre a depilação com lâmina

Como já foi comentado, existem algumas questões que envolvem a depilação. É interessante saber quais delas são verdade e quais são mitos. Com certeza, o mito mais comum, é aquele que diz que a lâmina vai deixar os pêlos mais grossos (Quando puxados da raiz por ceras durante um longo período, os pelos realmente são afinados. Mas basta usar uma só vez outros recursos e os pelos voltarão a ficar grossos, que é, por fim, o estado normal em que devem ficar). Outro mito é dizer que a depilação com lâmina ajuda no aparecimento de varizes. Elas só aparecerão se os vasinhos forem dilatados, pois a veia não consegue retornar o sangue. Mas isso acontece muito mais quando se usa a cera quente. Agora, uma das verdades absolutas é a que diz que quem sofre com problemas de encravamento deve usar a lâmina na hora da depilação (Como o procedimento não arranca os pelinhos de suas raízes, o crescimento deles não é prejudicado).

Veja mais!