Publicado por Priscila Melo

Quem não quer ficar o ano inteiro ou mesmo prolongar por um bom tempo aquele bronzeado lindo? Muitas pessoas apelam para o bronzeamento artificial, outras fazem um rito cheio de cuidados para conseguir manter o bronze desejado. Às vezes, algumas pessoas acabam se arriscando e se expondo ao sol sem os devidos cuidados. Pensando nisso, o Garota Beleza pesquisou algumas dicas muito úteis sobre como conquistar um bronzeado lindo, saudável e que dure bastante.

O filtro solar é indispensável

Estando na praia ou não, o uso do filtro solar é indispensável, até mesmo se você permanecer protegido sob um guarda-sol. Mesmo quando os raios solares não estiverem intensos, a exemplo de dias chuvosos, ainda assim é essencial usar o filtro solar.

Atenção aos tipos de protetor

Existem diversos tipos de protetor, por isso, o ideal é observar qual o tipo ideal para sua pele, seja ela seca, normal ou oleosa. Para cada tipo existe uma fórmula específica. Além disso, é importante lembrar que protetor de corpo não serve para o rosto, então, nunca passe o protetor corporal na face. A pele nessa região é dotada de composição diferente, e o protetor facial possui propriedades específicas para o rosto.

Como manter o bronzeamento sem complicação

Foto: Reprodução/ internet

Escolha o fator de proteção correto

A escolha do fator de proteção deve ser feita de acordo com a sensibilidade de cada pele e também dependendo da intensidade da exposição solar. O mínimo indicado é o FPS 15, mas o ideal é, pelo menos, o FPS 30, que garante um bronzeado sem queimaduras.

É preciso reaplicar o protetor com frequência

O protetor deve ser aplicado 20 minutos antes da exposição solar e reaplicado a cada 3 horas ou a cada 40 minutos quando o corpo entrar em contato com água ou transpirar muito.

Peles negras também precisam de proteção

Quem possui a pele morena ou negra também deve usar o produto, pois a exposição solar é a mesma. Sabe-se que devido a proteção natural da melanina, a pele com coloração escura é menos agredida, mas isso não significa que o uso do protetor seja dispensável.

Veja mais!