Por Nayla Georgia em 10/09/2013

Na composição do corpo humano encontra-se o colágeno, uma proteína que representa cerca de 25% entre todas em uma pessoa. A sua função é dar sustentabilidade às células, as mantendo unidas. O colágeno é o principal componente proteico de órgãos, como os ossos, as cartilagens, os tendões, os ligamentos e o maior dos órgãos, a pele. Essa substância é produzida normalmente pelo organismo desde o nascimento, porém quando se entra na fase da maturidade essa produção cai bastante e os efeitos começam a aparecer, como rugas e o aumento da fragilidade nos ossos e articulações. Supõe-se que essa perda de colágeno é a grande culpada pelo envelhecimento, já que os músculos vão ficando flácidos, a densidade óssea diminui, etc. É também consequência da carência dessa proteína a diminuição na espessura do fio capilar e o aparecimento de estrias, situações que tendem a assustarem as mulheres mais interessadas na beleza física.

Proteína da juventude: Colágeno emagrece e deixa a pele firme

Foto: Reprodução

Benefícios do colágeno

  • Previne contra as estrias, já que ajuda a aumentar a elasticidade e firmeza da pele;
  • Melhora as celulites, pois atua no funcionamento linfático ajudando o fluxo da linfa;
  • Enrijece os tecidos da pele, combatendo a flacidez;
  • Aumenta a tonicidade dos músculos;
  • Auxilia nas dietas de emagrecimento;
  • Fortalece os ossos, cartilagens e tendões;
  • Revigora o couro cabeludo;
  • Deixa as unhas e fios de cabelo mais fortes;
  • Previne contra a osteoartrite e a osteoporose;
  • Combate às rugas.

Alimentos ricos em colágeno

É nos alimentos que encontramos grandes fontes de colágeno, apesar de que a ciência já disponibiliza de cápsulas e pós desse ingrediente. As principais fontes do colágeno são os alimentos de origem animal (carne vermelha, peixe, frango), por serem ricos em proteínas. Todavia, para que essa substância seja sintetizada pelo organismo, é preciso consumir também vitamina C (acerola, laranja, limão, etc.) e E, selênio e zinco (amêndoa, avelã, castanha-do-pará, etc.).

Gelatina de colágeno em cápsulas

Uma maneira de ingerir colágeno é através das gelatinas em cápsulas, ou farmacêuticas, que são, praticamente, a substância pura. Contudo, por não ser hidrolisada, é um pouco menos eficiente que o pó de colágeno. Isso é explicado pelo processo: a hidrólise tem como função quebrar as moléculas da proteína contida no colágeno. Quando estão em pó, são absorvidas pelo organismo com mais facilidade e, em cápsula, o processo é mais demorado.

Veja mais!