Por Anna de Cássia em 16/10/2012

Produzido a partir da azeitona, o azeite de oliva é um óleo muito usado desde a antiga culinária até a culinária contemporânea. Além de ser um ótimo tempero, também pode ser um ótimo aliado para a saúde. Estudos mostram que ele impede até o acúmulo de gordura no organismo, e como pode substituir alguns alimentos semelhantes como o óleo de milho, mais conhecido como óleo de cozinha, que contém muitas gorduras saturadas (as quais são prejudiciais a nossa saúde), pode se tornar um auxiliar nas dietas de emagrecimento.

Azeite de oliva emagrece?

Azeite de Oliva emagrece?

Consumir regularmente o azeite de oliva emagrece sim! Leia nosso artigo e saiba mais detalhes… | Foto: Reprodução

Estudos feitos por cientistas das universidades europeias comprovam que o azeite de oliva pode ajudar no emagrecimento, não apenas por ele ser menos gorduroso que os demais óleos, mas sim por poder dar a sensação de saciedade. Uma vez que nos sentimos fartos, nós não comemos mais, ou pelo menos diminuímos a quantidade de comida, e isso favorece no emagrecimento. Esta proeza só é possível porque o azeite de oliva contém uma grande quantidade de ácido oleico,  o qual é o responsável por transmitir ao cérebro a informação de saciedade.

Os cientistas também observaram que pacientes que tomaram o costume de ingerir duas colheres de sopa de azeite por dia, tiveram uma perda considerável de gordura no abdômen, pois ele também possui gordura monoinsaturada que reduz a quantidade de colesterol ruim das artérias, diminuindo as barrigas avantajadas e também as chances que ter uma arteriosclerose.

Mas para emagrecer não basta apenas consumir esse óleo, pois sozinho ele não é suficiente para isso. Ele deve ser combinado com dietas que evitam alimentos que contenham gorduras saturadas, como a manteiga e a banha que são muito comuns na nossa culinária. Nestes, o ácido oleico não está presente, e por isso devemos dobrar os cuidados quanto a tais alimentos gordurosos, pois sem a sensação de saciedade podemos até mesmo sem querer exagerar no consumo.

Por isso, quanto mais pudermos trocar alimentos saturados pelo azeite, melhor. Além de perdermos aqueles quilinhos indesejados, aproveitamos também os benefícios e a funcionalidade que esse alimento saudável nos trás.

Outros benefícios do azeite

  • Por conter altas quantidades de vitamina E ele apresenta funções antioxidantes, evitando o envelhecimento precoce das células.
  • Colabora no processamento de vitamina A no nosso organismo, melhorando nossa pele, olhos e cabelos.
  • Reduz a inflamação vascular.
  • Evita doenças como o câncer, a diabetes, a obesidade, as doenças do coração, entre outros.

Veja mais!