Publicado por Pollyana Batista

Nem sempre é preciso gastar uma fortuna para manter a saúde da pele em dia. Você acredita? Soluções simples podem te ajudar a preservar a jovialidade sem recorrer a método muito caros e invasivos.

Por exemplo, a limpeza de pele é o primeiro passo para mantê-la saudável. Para realizá-la muitas vezes é preciso ir além da limpeza com seu sabonete usual, é necessário realizar uma esfoliação.

Esse mecanismo nada mais é do que a remoção mais profunda, não só da sujeira e oleosidade, mas do extrato córneo, ou seja, a retirada das células mortas, por meio da estimulação da derme. Esse caminho deixa a pele mais suscetível a receber produtos ou tratamento específicos.

Aprenda a fazer esfoliante caseiro para áreas sensíveis

Foto: depositphotos

Obviamente por conta da intensidade, a esfoliação não pode ser feita várias vezes ao dia, tampouco de qualquer forma. Para não machucar as células jovens, ao remover as mortas, é preciso realizá-la a cada 15 dias.

Indicação e frequência

De acordo com a cosmetóloga Lucienne Souza, a intensidade da esfoliação vai variar de acordo com a superfície que é feita. Por isso, nas áreas do rosto, pescoço e colo deve ser mais suave. E para não machucar as células que estão nascendo é preciso escolher o procedimento esfoliante correto, e, realizá-lo apenas quinzenalmente.

“Essa esfoliação funciona muito bem para quem quer uma pele renovada e hidratada, pois, não é só esfoliar, ela combina a ação hidratante gerando uma maior capacidade de absorção da hidratação”, explica Lucienne.

Esfoliação natural e menos abrasiva

Existem várias marcas no mercado de produtos que prometem uma esfoliação perfeita, entretanto, vamos ensinar você a fazer um produto caseiro, com baixo custo, menos abrasivo e mais suave para aplicação nas áreas mais sensíveis do seu corpo. Quer aprender?

Esfoliante caseiro

Ingredientes

  • 1 xícara de chá de água bem quente;
  • 1 xícara de chá de granola;
  • Hidratante de uso diário.

Modo de preparo e aplicação

Ferva a água, que deve ser de preferência filtrada, em seguido com o fogo desligado adicione os grãos da granola. Em seguido, deixe esfriar a mistura. Escolha a região que vai receber a aplicação, como rosto, pescoço ou colo, e a hidrate com o creme que você já costuma usar. É importante lembrar que o seu creme hidratante deve respeitar as condições naturais da sua pele, seja ela oleosa, mista ou seca.

Após a hidratação, você deve pegar a mistura com granola e aplicar no área escolhida. Por conta dos grãos a maneira mais fácil de fazer isso é dando leves batidinhas no rosto, pescoço ou colo seguidas de movimentos circulares.

Por fim, você pode enxaguar a região com água morna, que vai ajudar também na hidratação.

Veja mais!