Por Daiane Silva em 11/08/2011

As mulheres estão sempre interessadas em tudo que diz respeito à moda, tendências e o que faz a cabeça das famosas. Sempre que possível, desejam imitar aquela celebridade belíssima que faz sucesso no cinema ou na TV, seja no estilo de vestir, na maquiagem ou no cabelo. Mas, em alguns casos, devido à genética, os fios de cabelos são ralos, finos e não crescem de maneira nenhuma, o que torna impossível deixar uma cabeleira longa e linda. Como a indústria da beleza não descansa nunca, existem maneiras de vencer essa dificuldade. No mercado, sempre uma nova técnica vem sendo apresentada para alongar os fios e isso possibilita a mudança de visual tão sonhada.

Entrelaçamento

Entrelaçamento

Foto: http://racabrasil.uol.com.br

É considerado um dos mais trabalhosos: o cabelo da cliente é todo trançado e, nessas tranças é costurada uma espécie de rede em que fios de cabelo natural são presas. Deve ser ajustado a cada 20 dias, pois, a medida que crescem os fios, os nós vão ficando mais soltos, além disso, é feita uma lavagem bem caprichada, o que em casa é difícil de se fazer.

É possível que o couro cabeludo coce e apresente caspas, o que pode significar que há resíduos de xampu, condicionadores, etc. Neste caso é válido retirar os apliques e procurar um dermatologista.

A duração é de quatro a cinco meses e seu preço médio é de R$50,00 para entrelaçar cada tira.

Clique e veja maior

Nó italiano ou fio a fio

Nó Italiano

Foto: http://racabrasil.uol.com.br

O nó italiano é indicado para cabelos cacheados, crespos e sem volume, o ideal é que os fios não sejam muito finos, pois se danificam muito pelo uso de elásticos para prender as mechas em alguns casos. Esta foi a primeira técnica de alongamento a ser criada. É recomendada a manutenção depois de um mês para ajuste dos elásticos e fios que podem se soltar, além disso, lavar com cuidado para não esfregar e não pentear perto das emendas.

Outros detalhes

  • Na hora do banho é imprescindível que se tire muito bem o condicionador e não se deve esfregar o couro cabeludo com movimentos circulares. Também não se pode dormir com os cabelos molhados.
  • A duração é de quatro a cinco meses e seu preço médio fica entre R$ 1000,00 e R$ 1500,00.
  • Também existe o entrelaçamento com ponto italiano, que utiliza polímeros de queratina para unir as mechas.
  • Quando feito com queratina, deve-se evitar o calor, como saunas, toucas térmicas e, usando o secador, secar bem as raízes e evitar as emendas. Além disso, é necessário uma escova especial par pentear esse tipo de alongamento.
Nó Italiano

Foto: http://racabrasil.uol.com.br

Megahair

Nessa técnica, mechas artificiais são presas às naturais com cola de silicone especial. É um processo demorado, pois é feito mecha a mecha e pode levar até oito horas. Pode ser aplicado num cabelo mais curto, com no mínimo 4 cm de comprimento.

Os cuidados são com o calor do secador, chapinha, etc. que podem descolar a cola das emendas, assim como é preciso prestar atenção à umidade, que pode deixar a cola pegajosa, formando nós nos fios. Depois de três meses, é recomendada a recolocação, mais próxima da raiz. Também é bom que se faça uma visita periódica ao salão para uma lavagem mais profunda e revisão do silicone. Os preços: da mão de obra: entre R$800,00 e R$1000,00; cabelo a partir de R$300,00 e a cola, R$200,00.

Megahair

Hotheads

É um dos mais novos procedimentos recém-chegado ao Brasil e já agrada muito por ser prático e de rápida aplicação, leva apenas 40 minutos para ficar pronto, além disso, permite o crescimento normal dos fios naturais. As mechas usadas são humanas e dispensam equipamentos ou calor para serem presas, sendo presas por películas adesivas bem finas, colocadas junto à raiz do cabelo. Dura de oito a dez semanas, suas mechas são reutilizáveis, podendo ser reaplicadas até três vezes e podem ser retiradas em 90 segundos! A cada dois ou três meses é recomendada a troca do adesivo das fitas no cabeleireiro. O preço: um pacote de 50 cm com mechas suficientes para uma cabeça, custa R$850,00, mais o trabalho do cabeleireiro, no final pode custar R$1900,00.

Esta técnica é usada para dar volume, aumentar o comprimento, textura  dos fios e até aplicar mechas!

Hotheads

Great Lenghts

Great Lenghts

É uma técnica relativamente nova, que veio da Itália, considerada pelos profissionais e por algumas usuárias como uma das melhores.

Como o cabelo do aplique é natural, indiano, tem um movimento suave, natural e tem um polímero na ponta, com queratina, que funciona como cola. Como tem uma formulação semelhante aos fios, a resistência desse aplique é muito maior e, mesmo com o calor de secadores ou chapinhas, não perde a durabilidade e a conexão entre as mechas se torna imperceptível.

Mais informações

  • Os fios do aplique são lisos ou levemente ondulados, então, quem prefere cabelos cacheados, deve fazer outro tipo de aplique.
  • Após dois meses, algumas mechas podem ficar mais frouxas e cair, por isso é bom fazer um reajuste e, depois de cinco meses, trocar todo o aplique.
  • Preço: entre R$ 2600,00 e R$ 3000,00.

Tic- Tac

Tic-Tac

Uma boa maneira de testar um alongamento dos fios de forma não definitiva, as mechas são presas com mini tic-tacs, que podem ser retiradas a qualquer hora.

O ideal é que se use no mínimo dois ou três apliques de cabelo natural para que fique bonito.

As mechas devem ser bem cuidadas, lavadas com produtos de qualidade e secas com secador, também devem ser hidratadas no salão.

Preço: os preços variam muito, se os apliques são comprados para serem colocados em casa, ou se são colocados num salão. A seguir, dois sites para ver as ofertas:

 

Veja mais!